Google+ Followers

quinta-feira, 28 de julho de 2016

5 leis horrendas de países desenvolvidos que só foram alteradas recentemente

De: "HypeScience" <noreply+feedproxy@google.com>
HypeScience

    5 leis horrendas de países desenvolvidos que só foram alteradas recentemente

    Publicado em 28.07.2016

    As leis são criadas com base na moral de determinado grupo e momento, e refletem diretamente o que aquela comunidade considera certo e errado. Em constante atualização, muitas delas são alteradas, enquanto outras se perdem no limbo legislativo.
    Algumas delas são tão surreais que até se tornam divertidas, como a proibição de andar com uma casquinha de sorvete no bolso de trás da calça, do estado americano do Alabama.
    Outras, porém, refletem pensamentos terríveis, e abordam assuntos sérios, como a liberdade de mulheres, crianças e grupos minoritários. Confia cinco delas que só foram alteradas recentemente:

    5. Na Nova Zelândia, mulheres não poderiam responder por abuso sexual infantil até 2005


    Em 2013, uma instrutora de natação de 21 anos admitiu manter relações sexuais com seu aluno de 13 anos. Sua punição? Um ano de suspensão do time, porque ela atraiu atenção negativa para a equipe.
    Essa punição levíssima aconteceu por que até 2005 mulheres não podiam ser punidas por assédio sexual. Até então, apenas homens podiam ser acusados de cometer estupro.
    Em 2005, a lei passou a incluir mulheres no assédio sexual de crianças, mas até hoje elas ainda não podem ser acusadas de estuprar outros adultos. O máximo que pode acontecer é a acusação de “violação sexual”, que é mais leve que estupro.
    10 práticas chocantes do passado

    4. Na Dinamarca, era legal ter relações sexuais com animais até 2015


    Em 2007, dois jornalistas disfarçados se infiltraram em um bordel de animais na cidade de Jutland. Lá, receberam a oferta de se divertirem com cavalos. Em 2014, a revista Vice entrevistou um zoófilo que se recusava a alugar seu cachorro para outro zoófilo, porque não queria arriscar pegar doenças sexualmente transmissíveis.
    A lei anterior apenas proibia que o animal fosse ferido. A lei foi alterada em 2015, e agora quem for pego abusando sexualmente de animais será punido com prisão ou multas. Se você pensa que a lei foi aprovada por unanimidade, está muito enganado. O resultado da votação foi 91 a 75, sendo que o argumento principal de quem votou a favor foi que a Dinamarca não poderia ser o último país da Europa a permitir essa atividade.

    3. Nos EUA, bancos não forneciam cartões de créditos ou empréstimos a mulheres até 1974

    leis absurdas eua mulheres credito bancos
    Até o começo do século XX, mulheres ainda eram vistas como objetos que pertenciam ao pai ou ao marido. Por isso, se elas quisessem ter um cartão de crédito ou empréstimo, precisavam fazer isso no nome do seu “dono”. Os bancos tinham total liberdade de negar estes serviços com base no gênero da pessoa.
    Não é à toa que antigamente se divorciar era muito mais difícil: a mulher não tinha liberdade para cuidar de suas próprias finanças. Comprar um imóvel ou abrir um negócio, por exemplo, era impossível se ela precisasse de um empréstimo. Assim, quem estivesse em um relacionamento abusivo ou violento, teria muito mais dificuldade em se livrar desse problema.
    Mulheres solteiras tinham muita dificuldade em conseguir usar o crédito, enquanto aquelas casadas que usassem o crédito no nome do marido nunca iam ser as reais donas de nada, já que o objeto ou imóvel estaria no nome do marido.
    Em 1974 o Ato da Igualdade de Oportunidade de Crédito foi aprovado nos Estados Unidos, tornando ilegal que bancos recusassem atendimento aos clientes com base no gênero.
    20 leis bizarras sobre sexo

    2. Na Austrália, pessoas aborígenes eram legalmente consideradas animais até 1967

    referendum 1967 Aboriginal Australians
    Até o referendo de 1967, australianos aborígenes eram tratados como animais. A legislação relativa a este povo estava inserida nas leis da fauna e flora do país.
    Isso quer dizer que eles não tinham cidadania australiana ou seus benefícios, como o voto. O Ato de Aborígenes de 1905 até tornou ilegal a socialização entre descendentes de europeus e nativos australianos. Apenas 62 anos depois é que este povo passou a ser visto como pessoa pela constituição australiana.

    1. A Suécia esterilizava pessoas à força até 1976


    Até 1976, a Suécia esterilizou cerca de 62 mil de seus próprios cidadãos. Apenas os nazistas superaram estes números. O programa sueco do Instituto de Biologia Racial começou em 1922 com objetivos pró-arianos.
    Sabemos bem que qualquer programa com objetivos “pró-arianos” está fadado a ser horripilante.
    Depois da Segunda Guerra Mundial, indo na contra mão dos outros países, a Suécia aumentou investimentos no programa, forçando à esterilização jovens internados em reformatórios, órfãos, pessoas pobres, pessoas com deficiência intelectual, filhos de pais de raças diferentes e mulheres que precisavam recorrer ao aborto.
    Outro detalhe de arrepiar os cabelos é que qualquer pessoa poderia indicar para o governo vizinhos ou colegas de trabalhos a serem esterilizados.
    Ainda sobre a Suécia, apenas em 2013 o país deixou de obrigar transexuais que solicitavam a mudança legal de sexo a passarem por esterilização. A lei foi criada na década de 1970. Aposto que este país não parece mais tão progressista assim. [Cracked,Ice News, Find and Connect, Time]
    You are subscribed to email updates from HypeScience.
    To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
    Email delivery powered by Google
    Google Inc., 1600 Amphitheatre Parkway, Mountain View, CA 94043, United States

    Facebook
    Dê os parabéns a Eliane Egito
    Quinta, 28 de julho

    Eliane Egito
    Ir para o Facebook

    Organizar um evento
    Essa mensagem foi enviada para marlucepvn@uol.com.br. Se você não deseja receber esses emails do Facebook no futuro, cancele o recebimento.
    Facebook, Inc., Attention: Community Support, Menlo Park, CA 94025

    Resultado de Loterias - CAIXA
    De: "Loterias da CAIXA" <push@push.caixa.gov.br>
    C A I X A E C ش N O M I C A F E D E R A L - LOTERIAS

    Conforme vocي pediu, seguem os resultados das Loterias da Caixa.
    Boa Sorte!
    Caixa Econmica Federal
    M E G A S E N A
    ------------------
    Concurso : 1841
    Data : 27/07/2016
    NغMEROS SORTEADOS: (por ordem de sorteio) 06 - 51 - 13 - 38 - 49 - 03
    (por ordem crescente) 03 - 06 - 13 - 38 - 49 - 51
    VALOR ACUMULADO: R$ 22.443.433,51ESTIMATIVA DO PRتMIO (MEGASENA)*: R$ 27.000.000,00
    *PARA O PRسXIMO CONCURSO, A SER REALIZADO 30/07/2016N de Ganhadores Sena: 0
    Rateio do prيmio (sena): R$ 0,00
    N de Ganhadores Quina: 81
    Rateio do prيmio (quina): R$ 31.142,44
    N de Ganhadores Quadra: 6170
    Rateio do prيmio (quadra): R$ 584,05
    Valor acumulado para o prximo concurso de final 5 (cinco): R$ 5.563.037,11
    Valor acumulado para o sorteio especial de Final de Ano: R$ 37.514.184,01
    ARRECADAاأO TOTAL: R$ 43.752.614,50
    Q U I N A
    --------------------
    Concurso : 4142
    Data : 27/07/2016
    NغMEROS SORTEADOS: (por ordem de sorteio) 38 - 03 - 78 - 69 - 23
    (por ordem crescente) 03 - 23 - 38 - 69 - 78
    VALOR ACUMULADO: R$ 637.392,31
    VALOR ACUMULADO PARA O SORTEIO ESPECIAL DE SأO JOأO: R$ 11.870.007,68
    ESTIMATIVA DO PRتMIO (QUINA)*: R$ 1.200.000,00
    *PARA O PRسXIMO CONCURSO, A SER REALIZADO 28/07/2016
    N de Ganhadores (Quina) : 0
    Rateio do Prيmio (Quina) : R$ 0,00
    N de Ganhadores (Quadra) : 45
    Rateio do Prيmio (Quadra) : R$ 7.689,18
    N de Ganhadores (Terno) : 4035
    Rateio do Prيmio (Terno) : R$ 128,95
    N de Ganhadores (Duque) : 108836
    Rateio do Prيmio (Duque) : R$ 2,62
    ARRECADAاأO TOTAL: R$6.001.486,50
    L O T O F ء C I L
    ----------------------
    Concurso : 1393
    Data : 27/07/2016
    Resultado das dezenas sorteadas (ordem crescente)
    03 - 04 - 05 - 07 - 09
    10 - 11 - 12 - 13 - 14
    17 - 18 - 20 - 22 - 23
    Resultado das dezenas sorteadas (ordem de sorteio)
    09 - 03 - 11 - 20 - 22
    23 - 13 - 14 - 10 - 07
    18 - 05 - 17 - 12 - 04
    PREMIAاأO
    Nmero de Acertos (15)
    Qtde Ganhadores : 7
    Rateio (em R$): 178.061,80
    Valor Acumulado (em R$) : -
    ESTIMATIVA DO PRتMIO (LOTOFءCIL)*: R$ 1.700.000,00
    *PARA O PRسXIMO CONCURSO, A SER REALIZADO 29/07/2016
    Nmero de Acertos (14)
    Qtde Ganhadores : 652
    Rateio (em R$): 840,31
    Nmero de Acertos (13)
    Qtde Ganhadores : 20524
    Rateio (em R$): 20,00
    Nmero de Acertos (12)
    Qtde Ganhadores : 214954
    Rateio (em R$): 8,00
    Nmero de Acertos (11)
    Qtde Ganhadores : 1008300
    Rateio (em R$): 4,00
    ARRECADAاأO TOTAL: R$ 20.537.190,00
    Confira os resultados das Loterias pelo seu celular, acesse o site da CAIXA www.caixa.gov.br direto pelo aparelho e selecione o link loterias. (http://www.caixa.gov.br)
    Conheهa os investimentos CAIXA: variedade e seguranهa para investir, sem abrir mكo de boa rentabilidade. SAIBA MAIS. (http://www11.caixa.gov.br/portal/public/investidor)
    --------------------------------------------------------------------------------
    Se desejar corrigir seus dados ou se descadastrar deste serviهo acesse o link -
    http://www.caixa.gov.br/_redirect/push/r_logon_loteria.asp
     
    REVISTA O GLOBO 8 DE NOVEMBRO DE 2015
    Trabalho com idosos - Canadense como Palhaço
    de: Francis fforbes@uol.com.br
    data: 28 de julho de 2016 18:19



    e a conta com..._______Dois cappuccinos
    Canadense fala de seu projeto Uma Bela Visita, em que trabalha como palhaço terapêutico com idosos com demência


    MAURO VENTURA
    ...OLIVIER TERREAULT
    POR MAURO VENTURA
    mventura@oglobo.com.br
    Aos 6 anos, o canadense Olivier-Hugues Terreault já fazia teatro. Aos 15, recebeu seu primeiro cheque pelo trabalho como palhaço. Fez curso de teatro de máscara no Théâtre du Soleil, virou ator, autor, empreendedor social, contador de histórias. Em seu país, iniciou em 2000 visitas a instituições para idosos, em especial aqueles que têm demência. Já fez mais de 500 intervenções como palhaço terapêutico. Aos 43 anos, no Brasil há três, ele começa aqui uma iniciativa similar, Uma Bela Visita, um projeto do Teatro do Sopro <teatrodosopro.blogspot.com>, criado por ele e por Flavia Marco. O projeto vai durar dois anos, em oito instituições. Na primeira fase são três: Froien Farain, sociedade beneficente que abriga uma casa geriátrica com 45 residentes fragilizados, Abrigo do Cristo Redentor e Centro de Alzheimer do Ipub/UFRJ. O projeto tem patrocínio da BrazilFoundation, e apoio da Ashoka, da Femptec e do Cepe. A coordenação é do psiquiatra Jersori Laks e da psicóloga Morgana Masetti, que farão pesquisas quantitativas e qualitativas. A avaliação artística fica a cargo de Nereu Afonso da Silva. E Reza Shahcheraghi verá o impacto nas instituições, como uma possível melhora na percepção dos parentes em relação ao local.


    revista o globo: Como começou o trabalho nas instituições? olivier-hugues terreault: Um dia visitei urna instituição para idosos de Montreal. Foi um choque, porque eu não tinha contato com velhos. Meus avós maternos morreram antes de eu nascer. E os paternos, quando eu tinha 7 e 8 anos. E até então meu trabalho era voltado para crianças hospitalizadas. Lembro de uma senhora quieta e inexpressi­va, que ao ver meu nariz de palhaço começou a puxá-lo, divertindo-se. Ela se esforçou para falar e conseguiu pronunciar "obrigada" emo­cionada. O cuidador dela disse: "Há três meses ela não falava!" Outra senhora não queria sair do quarto, deprimida. Ao ouvir a música que levamos começou a cantar. Descobriu-se que tinha sido uma grande cantora de jazz na juventude. É comum vermos uma pessoa com de­mência como alguém que não pensa. Mostramos que, além de uma história, ela tem o que compartilhar. Contribuímos para desestigma-tizar a velhice, a demência e a institucionalização. Com o envelheci­mento da população o quadro de demência vai aumentar, assim co­mo a necessidade de instituições públicas de longa permanência.
    Como é o trabalho de vocês?
    Tenho a impressão de que as pessoas com demência percebem a si mesmas com 20,25 anos. Nós levamos então a cultura da época dela. No caso daqui, é o Rio dos anos 1940, da época de ouro do rádio, o Copacabana Palace. Usamos roupas, músicas, notícias, cheiros, tudo do período, como um pós-barba antigo. E chegamos com educação, cortesia, boas maneiras. Criamos um ambiente que, para a pessoa, é o presente dela. Um senhor começou contando para a Flavia que foi piloto de avião. Em seguida, eles já estavam no presente, voando. Uma senhora citou o Cassino da Urca. Falava no passado, mas passou a encorajar a Flavia a cantar e disse: "Eu vou te ver no Cassino." Não vamos reparar o cérebro, a memória não vai voltar, mas podemos ati-var pedaços dela e interagir, oferecendo melhor qualidade de vida.
    Por que o palhaço?
    Usamos a figura do palhaço porque ele é vulnerável. Assim, criamos laços com os pacientes, que se sentem chamados a nos ajudar. Eles têm muito amor para dar, e eu, para receber. As maiores causas de de­pressão na instituição são o sentimento de isolamento e a falta de fun­ção. Damos a sensação de pertencer a uma família e de se sentir útil.
    E como é a conversa entre vocês?
    O palhaço não se preocupa se eles não falam direito. Para nós, impor­ta a comunicação emocional. É o toque, o riso, a dança, o teatro, a canção. Idosos com demência e palhaços podem ser bons compa­nheiros. Os dois são sensíveis, se sentem confusos e inadaptados e se expressam de forma não verbal a partir de sua própria lógica emocio­nal. Uma senhora resolveu flertar comigo, mas dizia que não ia beijar. Entrei na brincadeira romântica, disse "ah, eu gosto de um desafio" ela retrucou "não vai conseguir" Cinco senhores num sofá assistiam e entraram na dinâmica, me encorajavam a tentar. O palhaço permite que eles se percebam capazes de ser criativos. Tem uma pessoa ainda presente ali dentro. Estamos lá para mostrar o quanto são especiais.
     

    Racional!

    IC - cesarjbn
    12:58 (Há 5 horas)

    Seja racional, bom ou ruim conforme a situação.
    Entenda, do seu lado de fora, interior da bolha do cosmo, tudo é relativo, quer dizer de passagem, de forma que somos inquilinos e não donos de nada, mesmo!
    Só a Energia de Nossa Consciência é ETERNA, fica do nosso lado de dentro; faça esse TUR e seja feliz!
    Como exemplo, Hitler era bom para os alemães é ruim para os Judeus.
    Já Cristo foi bom pra todos, se deu mal!
    O caso de Cristo é emblemático e explicado pela Lei de Paulo Marueiro...
    Hitler, também, se deu mal!
    Vejam que as duas situações não foram racionais; um fez o bem e o outro o mal ao próximo; se deram mal!
    Como neste plano tudo é relativo, para as leis naturais o quê vale são as ações/reações.
    A Natureza é RACIONAL, CONSCIÊNCIA PLENA.
    Enviado do meu iPhone

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário